Mar/Abr - 2016 - nº 191

Presidente do Sindilav participa de debate sobre o Sistema Previdenciário Brasileiro

Encontro reuniu personalidades e especialistas do assunto. 

José Cechin, José Carlos Larocca e Raimundo Carreiro

José Cechin, José Carlos Larocca e Raimundo Carreiro

No dia 9 de março, o presidente do Sindilav José Carlos Larocca participou de um debate na Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP). “A Modernização do Sistema Previdenciário Brasileiro” foi o assunto debatido na oportunidade. A reunião também contou com as presenças do professor e economista Antônio Delfim Netto, do ex-ministro da Previdência Social José Cechin e do vice-presidente do Tribunal de Contas da União, Raimundo Carreiro.

O tema central das conversas girou em torno do risco da manutenção do atual modelo de previdência social no Brasil, que leva em consideração o sistema de repartição simples – onde os recursos recolhidos pelos atuais contribuintes são destinados a cobrir os gastos com os aposentados de hoje. Esse sistema está organizado em três regimes: Regime Geral da Previdência Social, Regime Próprio de Previdência Social e Regime de Previdência Complementar.

Com o aumento da expectativa de vida dos brasileiros, existe a preocupação de que o modelo previdenciário atual não consiga atender aos futuros aposentados. Estima-se que a população maior de 65 anos dobre nos próximos vinte anos, diferentemente do que acontecia quando o sistema foi implantado, no final da década de 1960, quando havia mais pessoas trabalhando e contribuindo para a previdência social.

José Carlos Larocca contribuiu com os debates afirmando que, em relação ao momento político e econômico que o país atravessa, só conseguiremos sua superação com a preservação do diálogo responsável. O presidente do Sindilav complementou dizendo que eventuais mudanças têm necessariamente de envolver o empresariado.


 

Sindilav Notícias 191


edições anteriores »