Jul/Ago - 2018 - nº 205

Auditoria Contábil de 2017

Confira alguns pontos destacados pelo auditor, referentes às demonstrações contábeis do Sindilav.

Dando continuidade a uma iniciativa há muito adotada pelo Sindilav, a empresa HCALI Consultoria realizou a auditoria do ano de 2017, encerrado em 31 de dezembro de 2017, baseada nos balanços e relatórios constantes na contabilidade da entidade. Listamos, a seguir, alguns itens comentados pelo auditor e a sua opinião final. Acompanhe.

• O ano de 2017 apresentou uma queda de 11,98% em relação ao ano de 2016, por conta da redução da Contribuição Assistencial. As receitas não operacionais também foram impactadas negativamente, por conta das reduções de taxas remuneratórias ao capital aplicado, a exemplo de qualquer outro segmento, tendo em vista a drástica redução da atividade econômica e da redução da taxa básica SELIC, remunerando menos os capitais financeiros.

• As despesas, no ano de 2017, tiveram uma redução no seu total de 8,27%, especialmente nas despesas administrativas.

• Foi examinado o balanço patrimonial do sindicato, levantado em 31 de dezembro de 2017, e as respectivas demonstrações do resultado, das mutações do patrimônio líquido e das origens e aplicações de recursos correspondentes aos exercícios findos naquelas datas, elaboradas sob a responsabilidade da atual administração.

• Sob um aspecto positivo, as certidões negativas da Receita Federal e do FGTS estão perfeitamente adequadas, não apontando nenhuma irregularidade.

• Em nossa opinião, as demonstrações contábeis representam, adequadamente, em todos os aspectos relevantes, a posição patrimonial e financeira do Sindilav, em 31 de dezembro de 2017, o resultado de suas operações, as mutações de seu patrimônio líquido e as origens e aplicações de seus recursos, referentes aos exercícios findos naquelas datas, de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil.




 

Sindilav Notícias 205


edições anteriores »